Sugestão: Nova Aplicação Árvore

(Carlos Simão) #1

Gostaria de sugerir a Netmake a crianção de aplicação árvore pra exibição de dados. Informando apenas a tabela, o campo com itém pai, campo filhos, campo neto, (estilo dos campos base pré-informados na configuração do calendário ou com configuração de quebra) e o sistema montar a castata.
A estrutura pode ser mais simples que as aplicações atuais e considerando que já existe a experiência da criação de menu em árvore e o sistema de quebra usado na aplicação grid, creio não haverá dificuldades na criação.
Creio que devido a menor estrutura, seria mais leve e mais rápida a configuração, e poderiamos exibir em iframes ou abas e mostrar individualmente.

Acredito que seria bastante útil, sempre precisamos exibir dados em árvore, quer seja plano de contas, lista de funcionários com respectivos departamentos ou funções, lista de escolas com respectivos funções funcionários, ou disciplinas e respectivos professores, e uma infinidade de utilidades, sem toda a trabalheira de configuração de uma grid.

1 - campo Pai (exemplo categoria)
1.1 - campo filho (ítem)
1.2 - campo filho (ítem)
1.3 - campo filho (ítem)
2 - campo Pai (exemplo categoria)
2.1 - campo filho (ítem)
2.2 - campo filho (ítem)
2.3 - campo filho (ítem)
2.3.1 - campo neto (ítem)
2.3.2 - campo neto (ítem)

Daí à medida, que atualizamos as tabelas as árvores seriam atualizadas.
Poderíamos utilizar também nas ligações de captura, onde abre a grid para seleção.
Quanto ao Thema, poderia usar os mesmos para menu árvore, inclusive com informação de imagens.

Traduzindo, seria uma mistura de menu árvore e grid, com configuração mais simples e alimentada por uma tabela no banco de dados.

Não sei se outros precisam, mais para mim seria bastante útil. fica aí a dica.

(Cleyton Euler) #2

Trabalheira de uma GRID???

Respeito a sua opinião companheiro, mas imagine só buscar um nome de um aluno com a litra Z numa árvore que tenha 300 alunos.

Não vejo vantagem alguma.

(Carlos Simão) #3

Cleyton,

Realmente, eu não deveria utilizar a palavra “trabalheira”. No entanto eu quis apenas fazer uma comparação entre todas as possíveis configurações da grid com uma aplicação com poucas configurações e mais simples como sugeri.

O exemplo que vc citou da lista de alunos, é um exemplo com uma quantidade de registros maior que deve ser considerado sim, concordo, mas como há várias possibilidades para se fazer as coisas, em caso de muitos registros, podemos tranquilamente usar a grid com filtro.

Termos mais opções para mostrar os dados ou fazer as coisas, faz diferença dependendo do que vc quer mostrar. Ex. Grid Editável: nele vc inclui, altera, exclui e lista. No entanto, foram criadas várias opções (form normal ou grid editável, grid editável view, consulta, blank, controle, etc., claro que algumas com funções específicas )para inclusão e demonstração de dados. ou seja, todas as aplicações criadas não são apenas para que os dados cheguem até o banco de dados, mas também como eles seram apresentados. Assim, as apresentações finais serão de acordo a necessidade, conveniência ou facilidade, inclusive com 300 registros. ou seja, qual a maneira mais viável. No exemplo que vc deu também concordo que a grid seria a mais viável. Mas, há outros casos.
Eu particulamento, preferiria não precisar da captura da forma que é, seria melhor se todos os campos fossem mais dinâmicos, mas fazer o quê.

finalizando, quanto mais opções de apresentações dos dados(claro que de acordo a conveniência) é melhor para criatividade e funcionalidades do produto final.
As idéias são pra isso, para a cada dia facilitar, inovar, ou até serem melhoradas com as sugestões. quando são inviáveis, descartamos, pensamos em outras coisas, idéias novas etc.

(Cleyton Euler) #4

Tudo bem Carlos, meu comentário foi apenas a minha opinião. Para apresentação de dados, uma árvore não serve para quase nada.

Vejo vantagem nisso apenas para o modelo opção/subopção.

E, numa grid vc pode simular um modelo de árvore tranquilamente, usando quebras e, tem a vantagem de mostrar mais dados de um registro.

A sugestão é válida, apenas estou registrando a minha opinião.

(Carlos Simão) #5

Realmente, acho que viajei.

Até porque com a grid, se eu quiser deixar com visual de árvore é só fazer um tema especifico, podendo colocar até imagens nas linhas, ou usar array e pegar mais valores.

Valeu

(Cleyton Euler) #6

Não esquenta!!! Como eu disse, a sugestão é válida. E é conversando que a gente se entende, por isso registrei minha opinião sobre a sua sugestão.

Agora na GRID ao usar quebras, vc pode iniciar a quebra (TreeView) fechada ou aberta. Iniciar todas a quebras fechadas: Vc tem uma “árvore” de dados ao invés de uma árvore de opções.

(odonin) #7

Amigo,

Posso invadir o tema de vocês?
Como faço uma grid parecer uma árvore. É disso que eu preciso.
Não via a opção de quebras no grid.

Atenciosamente,

Orlando Donin

(Carlos Simão) #8

Boa noite.

Nas configurações na lateral da aplicação consulta, há um ítem chamado Quebras. Você escolhe o campo da quebra, ou campos, e configura, treeview, posição, título, etc.

Quanto ao layout você pode usar o mesmo tema de consultas normais ou criar um tema um específico.